Açoriano Oriental
Açores agilizam regresso a casa de turistas

O Governo dos Açores está a agilizar o regresso a casa dos turistas que se encontram a cumprir quarentena no arquipélago, devido à pandemia de Covid-19, informou hoje o executivo.

article.title

Foto: Eduardo Resendes
Autor: LUSA/AO online

"Esta iniciativa conjunta das secretarias regionais da Saúde e da Energia, Ambiente e Turismo tem como objetivo garantir o regresso célere e em segurança dos turistas a casa, no sentido de prevenir e conter a disseminação da infeção pelo novo coronavírus", refere uma nota enviada às redações pelo Gabinete de Apoio à Comunicação Social (GACS) do executivo regional socialista.

A nota das secretarias regionais da Saúde e da Energia, Ambiente e Turismo explica que para "obter a autorização, os turistas devem apresentar um requerimento à Autoridade de Saúde, que autorizará a deslocação por via aérea, no prazo máximo de três dias, para o exterior da Região".

"No embarque, esta autorização da Autoridade de Saúde deve ser apresentada", acrescenta a mesma nota, aconselhando ainda a realização de quarentena no local de destino.

O Governo dos Açores diz ter remetido esta informação "a todos os empreendimentos turísticos registados junto da Direção Regional do Turismo e serviços consulares" e os interessados podem obter mais informações em https://covid19.azores.gov.pt/, onde aquele requerimento se encontra disponível.

Nos Açores há quatro casos positivos de covid-19.

Em Portugal, há 12 mortes e 1.280 infeções confirmadas.

O número de mortos duplicou hoje em relação a sexta-feira e registaram-se mais 260 casos no mesmo período.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 271 mil pessoas em todo o mundo, das quais pelo menos 12.000 morreram.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Vários países adotaram medidas excecionais, incluindo o regime de quarentena e o encerramento de fronteiras.

Portugal encontra-se em estado de emergência desde as 00:00 de quinta-feira e até às 23:59 de 02 de abril.

Além disso, o Governo declarou na terça-feira o estado de calamidade pública para o concelho de Ovar.


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.