Açoriano Oriental
“Vistos gold” com pouco impacto no setor imobiliário dos Açores

Desde que foi criado, em 2012, o programa de Autorização de Residência para Investimento não teve grande impacto no mercado de imóveis. Setor não prevê que decisão de restringir a sua atribuição às regiões autónomas mude muito o mercado.

article.title

Foto: Direitos Reservados
Autor: Paula Gouveia

O setor imobiliário não prevê que haja um grande impacto na procura de imóveis na Região por conta dos “vistos gold”, mas admite que a decisão do Governo da República de restringir o programa às regiões autónomas e aos municípios do interior do território continental possa incentivar mais negócios através do programa, do que o que tem acontecido até ao momento. 


Ler mais na edição desta segunda-feira, 17 fevereiro 2020, do jornal Açoriano Oriental


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.