UE lança campanha contra disparidade salarial entre homens e mulheres


 

Lusa / AO online   Economia   4 de Mar de 2010, 10:26

A Comissão Europeia apresenta na sexta-feira a segunda fase da campanha de luta contra a disparidade salarial entre homens e mulheres, numa altura em que elas ganham em média menos 18 por cento do que eles, na União Europeia (UE).
A posição de Bruxelas sobre a matéria é clara: a disparidade salarial resulta num desperdício de recursos para a sociedade e para o meio empresarial.

Segundo dados do gabinete de estatísticas da UE, Eurostat, a disparidade salarial em Portugal é de 9,2 por cento.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.