Tribunal emite mandado de captura para ex-etarra Juana Chaos


 

Lusa/AOonline   Internacional   11 de Nov de 2008, 11:33

A justiça espanhola emitiu uma mandado de captura internacional do ex-etarra Juan Chaos que hoje faltou a uma convocatória do tribunal que o queria ouvir por um delito de enaltecimento do terrorismo.
O mandado foi emitido pelo juiz da Audiência Nacional espanhol Eloy Velasco, num auto preparado depois de Juana Chaos - libertado no início de Agosto depois de ter cumprido penas consecutivas de prisão – não ter comparecido no tribunal.

    Desde meados de Agosto que o juiz tem tentado localizar Juana Chaos tanto no País Basco, como na Irlanda, onde reside desde que foi libertado em Espanha.

    O ex-etarra teria que declarar no âmbito de investigações sobre a homenagem que lhe foi feita em San Sebastian a 02 de Agosto, em que se leu uma carta em seu nome onde se saudavam vários dirigentes históricos da organização separatista basca ETA.

    Juana Chaos não esteve presente nessa homenagem mas a justiça acredita que a carta foi redigida pelo ex-etarra querendo por isso interrogá-lo.

    Chaos assumiu particular destaque mediático depois de ter iniciado uma greve de fome que levou à sua hospitalização ao não ser libertado depois de cumprir uma pena inicial de prisão.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.