História

Três mil anos de reinados de faraós do antigo Egipto reunidos em livro


 

Lusa/AO online   Internacional   3 de Out de 2011, 18:42

Dos 300 faraós que reinaram em três mil anos no Antigo Egipto, o historiador Luís Manuel de Araújo destacou 30 de outras tantas dinastias, sintetizando os respectivos reinados na obra “Os Grandes Faraós do Antigo Egipto”.
“Este livro é dedicado aos Faraós do Antigo Egipto que foram cerca de trezentos a reinar no país do Nilo durante três mil anos, tendo escolhido 30”, afirmou  o egiptólogo Luís Manuel de Araújo.

Para o autor “não seria possível dedicar atenção a todos os reis, até porque a maior parte deles reinou em períodos obscuros e de falência do poder faraónico, para além do facto que termos para muitos apenas o nome, desconhecendo-se hoje em que circunstâncias eles exerceram o seu poder”.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.