Subida de preços de bens alimentares é inevitável se cereais continuarem aumentar


 

Lusa/AO online   Economia   27 de Set de 2010, 18:11

O ministro da Agricultura, António Serrano, disse esta segunda-feira, em Bruxelas, que a subida dos preços de alimentos como leite, pão e carne será inevitável se o dos cereais continuar a subir.
“É uma inevitabilidade” a subida de preços de produtos alimentares junto dos consumidores se continuar a aumentar o dos cereais, disse o ministro.

António Serrano, que falava no final de uma reunião com os seus homólogos dos 27, salientou também que “a Comissão Europeia poderá fazer alguma intervenção no mercado dos cereais”, disponibilizando stocks “para fazer baixar os preços”.

O ministro salientou também que Bruxelas vai acompanhar a evolução da situação nos próximos meses.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.