Ambiente

SPEA assinala Dia da Floresta Autóctone


 

Lusa/AO online   Regional   22 de Nov de 2010, 17:21

A Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves (SPEA) vai assinalar na terça-feira o Dia da Floresta Autóctone com a plantação das primeiras árvores produzidas nos viveiros do projecto LIFE Laurissilva Sustentável no nordeste de S. Miguel.
“A plantação destas árvores 100 por cento açorianas pretende, não só chamar a atenção para a importância da protecção da floresta laurissilva, mas sobretudo marcar um novo passo para a conservação da floresta nativa dos Açores”, refere a SPEA numa nota divulgada esta segunda-feira.

O projecto LIFE Laurissilva Sustentável, coordenado pela SPEA em parceria com o Governo Regional dos Açores e a Câmara da Povoação, visa conservar os habitats florestais de laurissilva prioritários da Zona de Protecção Especial do Pico da Vara/ Ribeira do Guilherme, em S. Miguel.

Nesse sentido, uma das principais iniciativas do projecto é o viveiro de plantas nativas do arquipélago, tendo em vista a propagação de espécies endémicas e ameaçadas.

Um ano e meio depois da instalação do viveiro, serão plantadas na terça-feira as primeiras plantas ali produzidas, entre as quais faias, urzes, uvas-da-serra e gingas-do-mato, entre outras espécies.

A plantação vai decorrer junto à Estrada Regional da Tronqueira e contará com a participação de alunos da Escola Básica e Secundária do Nordeste e da Escola Profissional Monsenhor João Maurício de Amaral Ferreira, na Povoação.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.