Sonaecom e PT Multimédia afastam cenário de negociações sobre uma fusão

Sonaecom e PT Multimédia afastam cenário de negociações sobre uma fusão

 

Lusa / AO online   Economia   23 de Nov de 2007, 16:05

A Sonaecom e a PT Multimédia afastaram qualquer cenário de existência de conversações ou negociações com vista à fusão das duas empresas, na sequência de notícias veiculadas na imprensa.
Num comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a Sonaecom recorda estar “atenta a todas as oportunidades de consolidação no mercado das telecomunicações”, sendo uma eventual aproximação à PT Multimédia “apenas uma dessas hipóteses”, ainda que em abstracto.

A empresa presidida por Ângelo Paupério admite que “tem, nos últimos meses, estabelecido vários contactos mas nenhum deles pode ou deve ser entendido como uma negociação de uma proposta concreta, a qual efectivamente não existe”.

A PT Multimédia também refuta a existência de qualquer processo negocial ou meros contactos sobre este tema com a Sonaecom.

“O conselho de administração da PT Multimédia esclarece que não existem quaisquer contactos directos ou indirectos, formais ou informais, entre as duas empresas sobre eventuais fusões ou aquisições”, sublinha uma nota enviada pela empresa liderada por Rodrigo Costa à CMVM.

 Às 12:18, as acções das duas empresas seguiam em alta na Euronext Lisboa, com os títulos da Sonaecom a ganharem 2,93 por cento, para 3,86 euros, e os da PT Multimédia a valorizarem 1,2 por cento, para 9,31 euros.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.