Açoriano Oriental
Sindicatos defendem 35 horas semanais para todos os trabalhadores nos Açores

A União dos Sindicatos de Angra do Heroísmo (USAH/CGTP) e o Sindicato afeto ao comércio, hotelaria e turismo defenderam hoje a aplicação das 35 horas de horário semanal para "todos os trabalhadores nos Açores".

Sindicatos defendem 35 horas semanais para todos os trabalhadores nos Açores

Autor: Lusa /AO Online

Num comunicado, a USAH/CGTP e o Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Transformadoras, Alimentação, Bebidas e Similares, Comércio, Escritórios e Serviços, Hotelaria e Turismo, Transportes e Outros Serviços dos Açores (SITACEHTT/Açores) indicam que estão a desenvolver uma campanha nos Açores “para a redução do horário de trabalho para as 35 horas semanais, sem redução de salário, sem adaptabilidade e sem banco de horas”.

“Com a introdução de inovações científicas e técnicas nos métodos de produção, a produtividade por trabalhador aumenta exponencialmente e essa melhoria tem de reverter a favor de quem produz a riqueza”, defendem no comunicado.

Por isso, os sindicatos consideram ser “justo que se garanta a redução do horário de trabalho, distribuindo de forma mais justa a riqueza criada”.

Assim sendo, e após "dezenas de plenários com os trabalhadores açorianos" e encontros com outros sindicatos, o SITACEHTT/Açores fez saber que vai solicitar reuniões com as câmaras do comércio, com instituições particulares de solidariedade social e com os partidos políticos sobre a aplicação da semana de 35 horas de trabalho para todos os trabalhadores dos Açores, sem perda de remuneração.

A União de Sindicatos e o SITACEHTT/Açores justificam que "o trabalho por turnos, à noite, ao sábado ou ao domingo e os horários desregulados fazem parte do quotidiano e têm crescido nas últimas décadas", alertando que, "num momento em que na região tanto se fala de responsabilidade social, da baixa natalidade e despovoamento, esta é uma oportunidade para se fazer algo que ajude a reverter esta tendência".

PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados