Saúde

Saudaçor paga atempadamente fornecedores


 

Lusa/AOonline   Regional   26 de Nov de 2008, 17:40

O Governo açoriano garantiu que a Saudaçor, sociedade pública que gere a Saúde nas ilhas, "cumpre atempadamente os seus compromissos" com fornecedores e rejeitou alegados pagamentos em atraso denunciados pelo CDS/PP do arquipélago.
Em conferência de imprensa, o líder do CDS/PP nos Açores afirmou que a Saudaçor "gasta milhares de euros" em vencimentos dos administradores, enquanto "deve dinheiro a fornecedores há alguns meses, sem perspectivas de pagamento a curto prazo”.

    Segundo Artur Lima, a Saudaçor serve “só para camuflar dívidas do Serviço Regional de Saúde e para gastar milhares de euros pagando principescamente aos seus administradores".

    Na resposta, a secretaria regional da Saúde assegura que a empresa pública "cumpre integral e atempadamente os seus compromissos para com os respectivos fornecedores, estando sujeita às regras de fiscalização sucessiva do Tribunal de Contas".

    "Não são conhecidos atrasos de pagamento superiores a 30 dias por parte dos Centros de Saúde da Região, nem por parte dos Hospitais, em sede de Sistema de Pagamento a Fornecedores", sustentou o executivo regional.

    Relativamente à aquisição de material clínico, nomeadamente o concurso de aquisição de fraldas, que segundo o CDS/PP nos Açores, "o critério de adjudicação foi o preço mais barato para esse bem", a secretaria regional da Saúde esclarece que todos os bens propostos "foram alvo de rigorosos testes de verificação" pelo Serviço Regional de Saúde.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.