Açoriano Oriental
Covid-19
Ribeira Grande sensibiliza população para a importância da vacinação

Objetivo da Câmara Municipal é esclarecer a população sobre as mais-valias da vacinação contra a Covid, dado o grande número de recusas

Ribeira Grande sensibiliza população para a importância da vacinação

Autor: Ana Carvalho Melo

O presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande (CMRG) revelou que o município vai promover uma campanha de sensibilização para a importância da vacinação contra a Covid-19, dado o grande número de pessoas que tem recusado a vacina no concelho.

“Vamos reforçar a campanha de sensibilização para a vacinação porque, infelizmente, temos relatos de muita gente que está a recusar ser vacinada”, revelou Alexandre Gaudêncio, frisando que também deve partir das entidades públicas a divulgação dos benefícios da vacinação.

Recorde-se que o centro de vacinação da Ribeira Grande abriu portas no dia 23 de abril, estando preparado para vacinar contra a Covid-19 cerca de duzentos utentes por dia, de segunda-feira a sábado. “Temos todas as condições no nosso centro de vacinação, mas há muita gente a recusar, o que é de lamentar”, disse, explicando que a recusa é generalizada às diferentes freguesias do concelho.

Para Alexandre Gaudêncio, isto deve-se à falta de informação sobre as vantagens da vacinação, assim como às notícias sobre as contraindicações da vacina.

O autarca revelou que, para fazer face a esta preocupação, o município está a preparar um pequeno vídeo de apelo à vacinação, assim como material informativo que será entregue nos lares da Ribeira Grande.

Ontem, o concelho da Ribeira Grande registava 99 casos ativos de Covid-19, mais 29 que no domingo, números que levam o presidente da Câmara a prever que o concelho ficará em alto risco.

“Com os 29 novos casos de hoje [ontem] ficamos com os 200 casos por 100 mil habitantes, o que nos leva a contar que o concelho passe para alto risco, o que infelizmente terá efeitos nefastos para a economia local”, lamentou o autarca, apelando a que as pessoas adotem comportamentos responsáveis que ajudem a reduzir a probabilidade de novos contágios no concelho.

Os 99 casos ativos existentes na Ribeira Grande estão distribuídos da seguinte forma: 69 foram diagnosticados na Vila de Rabo de Peixe, oito na Ribeirinha, cinco nas freguesias da Calheta, Pico da Pedra e Matriz, quatro em Santa Bárbara e um nas freguesias dos Fenais da Ajuda, Lomba de São Pedro e Porto Formoso.
Regressando ao alto risco, o concelho terá de encerrar todos os estabelecimentos de bebidas e similares; enquanto todos os estabelecimentos de restauração terão de encerrar às 15h00, funcionando em serviço de entrega ao domicílio e take away entre as 15h00 e as 22h00.

Voltará também a ser implementado o regime de ensino à distância em todos os estabelecimentos de ensino, exceto para os alunos do primeiro e segundo anos do primeiro ciclo, bem como para os alunos do décimo primeiro e décimo segundo anos nas disciplinas que impliquem a realização de exame de acesso ao ensino superior.

PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados