Revista de imprensa nacional


 

Lusa/AO   Nacional   3 de Out de 2008, 06:32

 Uma parceria entre a Microsoft e o Governo sobre a disponibilização de serviços da Microsoft e a qualificação do Benfica e Sporting de Braga para fase de grupos da Taça UEFA estão hoje em destaque na imprensa lisboeta.

 “Microsoft faz programa especial para o `Magalhães´” é a manchete do Diário de Notícias.

    O jornal escreve que os computadores “Magalhães” vão disponibilizar software, conteúdos e serviços da Microsoft ao abrigo de uma parceria que vai ser estabelecida hoje entre a empresa norte-americana e o Governo português.

    O DN puxa ainda para a capa a qualificação do Benfica e do Sporting de Braga para a fase de grupos da Taça UEFA em futebol.

    O Benfica venceu o Nápoles por 2-0 enquanto o Sporting Braga apurou-se com uma vitória frente ao Artmedia, em Bratislava, também por 2-0.

    O Correio da Manhã destaca “Prédio dos CTT dá luvas de 1,6 milhões”, sublinhando que a Polícia Judiciária descobriu as comissões pagas em negócio imobiliário em Coimbra.

    A venda do prédio dos CTT em Coimbra, em 2003, à Demagre rendeu um total de 1,6 milhões de euros em luvas, escreve o CM, acrescentando que entre os beneficiários destas comissões estarão políticos do PS, PSD e CDS-PP e gestores públicos.

    O CM destaca ainda a qualificação do Benfica e do Sporting Braga para a fase de grupos da Taça UEFA.

    “Três menores assaltam loja e violam empregada” adianta o Jornal de Notícias em primeira página contando que jovens de 15 e 16 anos usaram arma de fogo para atacar funcionária de 26 anos na Amadora.

    O mais velho ficou em prisão preventiva e os outros foram entregues à família, acrescenta o jornal.

    Sobre os jogos para a Taça UEFA, o JN titula “Reyes abre porta dos grupos”.

    O Público chama à primeira página “Doença que destrói os pinheiros já é `assustadora´ na região centro”.

    De acordo com o matutino, técnicos florestais e investigadores visitaram zona afectada pelo nemátodo [doença do pinheiro] e verificaram que o problema está a propagar-se a grande velocidade.

    “Vitória coloca Benfica na fase de grupos” e “Agostinho Lopes deixa comissão política do PCP” são outras chamadas de capa do Público.

    O 24horas escreve “A Ana desapareceu há 5 dias”, publicando na primeira página a fotografia da jovem de 14 anos que desapareceu de Gervide, Gaia.

    O Diário Económico titula “Vítor Constâncio chamou banqueiros para discutir a crise”, referindo que o governador do Banco de Portugal convocou os líderes dos maiores bancos para uma reunião de emergência na terça-feira.

    O económico avança ainda na capa que o “Orçamento da Saúde não sobe em 2009”.

    “Empresas ocultam dívidas do Estado com medo de represálias” escreve o Jornal de Negócios, salientando que os privados aderiram à lista de credores para não perderem contratos públicos.

    O económico destaca ainda uma entrevista ao presidente da Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), Carlos Tavares, na qual fala da crise financeira, revelando que os “prémios aos gestores foram perversos”.

    Na primeira página, o Semanário Económico realça “Europa sem solução para a crise”, referindo que as perdas das bolsas já representam dois planos Paulson.

    O jornal destaca ainda “Um em cada 150 funcionários públicos recebeu prémio” e uma entrevista ao comissário europeu dos Transportes, António Tajani.

    Por fim, o Semanário titula Governo pode dar reviravolta diplomática”, referindo ainda que o embaixador russo junto das instituições europeias mostra desagrado perante reconhecimento por Portugal da independência do Kosovo.

    O Semanário destaca ainda “Sarkozy convoca `directório´ para acertar fundo de 3 por cento do PIB e salvar bancos europeus”.

    Os matutinos desportivos glorificam hoje o Benfica por ter conseguido o apuramento para a Taça UEFA e destacam também a qualificação do Sporting de Braga.

    “A vida é bela!”, titula A Bola sobre foto de um cacho de jogadores “encarnados” nos festejos de um dos dois golos da vitória sobre o Nápoles.

    “Grande espectáculo - grandes golos”, comenta o jornal, referindo que Reyes e Nuno Gomes, autores dos dois tentos, “foram os heróis do jogo”.

    O matutino assinala que “Braga está feito um senhor europeu”, referindo que o uruguaio Luís Aguiar “marcou os dois golos e foi a grande figura do jogo”, e nota que Guimarães e Marítimo estiveram “tão perto do milagre…”, tendo sido eliminados, tal com o Vitória de Setúbal.

    O Jogo anuncia o “Benfica de Reyes”, com imagem do jogador espanhol a festejar o primeiro dos dois golos do triunfo sobre os italianos do Nápoles, e destaca o comentário de João Vieira Pinto sobre o avançado: “sente-se importante e o público gosta dele”.

    O matutino destaca afirmações do treinador do Benfica (“Quique Flores: fizemos jogo soberbo”) e de Nuno Gomes (“queremos continuar assim”).

    O Jogo refere que “Luís Aguiar encantou” na vitória do Braga sobre os eslovacos do Artmedia (0-2) e assinala as eliminações de Vitória de Guimarães, Vitória de Setúbal e Marítimo.

    O Record chama à capa fotos de Reyes e de Nuno Gomes e titula “Digno de Reyes”, sublinhando que o avançado espanhol “abriu o caminho” e o ponta de lança português “fechou em beleza”.

    O matutino destaca ainda que “Benfica dá a volta a italianos pela primeira vez na história”.

    O jornal, que refere que “bracarenses na Europa só sabem ganhar” e que “Vitória [Guimarães] cai no prolongamento, sublinha que para o Sporting-FC Porto da próxima jornada “Polga, Rochemback e Vukcevic estão em dúvida” mas que Izmailov vai jogar.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.