Açoriano Oriental
Hospital de Ponta Delgada com energia elétrica reposta

O Hospital do Divino Espírito Santo em Ponta Delgada tem, desde do dia 3 de junho, a rede elétrica totalmente reestabelecida, “estando ligada à rede pública por três postos de transformação”. A atividade na área da Imagiologia e a Ortopedia, retomam na próxima terça-feira.

Hospital de Ponta Delgada com energia elétrica reposta

Autor: Susete Rodrigues/AO Online

A informação é avançada pelo HDES em comunicado, que acrescenta que esta é uma situação “provisória até o posto de transformação principal ser reconstruido”. Não entanto, “esta solução agora instalada garante níveis de capacidade superiores aos instalados antes do incêndio”.


Continuam os trabalhos de limpeza e arejamento por todo o hospital e estão a ser testados todos os quadros elétricos internos.


Na próxima terça-feira, dia 11 de junho, o HDES vai retomar a sua atividade na área da Imagiologia, com a atividade programada dos “exames de radiografia convencional, tomografia computorizada (TAC), ecografia, ressonância magnética, mamografia, osteodensitometria, digestivos e radiologia de intervenção”. Assim, os utentes deverão aguardar um contacto por parte do HDES para a realização dos seus exames.


Também a Ortopedia retoma, no próxima terça-feira, as consultas no hospital, “obedecendo ao seu agendamento e circuito normal”.


No que se refere ao processo de reabertura da Central de Esterilização, está ainda em curso a reparação necessária para a reabertura, nomeadamente a “substituição do revestimento do piso, azulejos e teto, cujo fim permitirá, então, avançar com a fase final de limpeza e testagem dos equipamentos e da água”, adianta o comunicado do Gabinete de Comunicação do hospital de Ponta de Delgada.


No que diz respeito à atividade clínica e assistencial, o HDES adianta que, no período compreendido entre os dias 4 maio e 6 de junho, realizou 9 314 consultas, tendo vindo a observar uma melhoria significativa na sua média diária, a qual se situa atualmente nas 291 consultas.


Atualmente, tem 212 utentes internados nas várias unidades e, até ao final de quinta-feira (6 de junho), já haviam sido concedidas 842 altas (excetuando as 93 altas precoces concedidas no dia 4 de maio).


No mesmo período de tempo, foram realizadas 218 cirurgias, sendo que destas, 140 correspondem a cirurgias urgentes.


A nota do hospital de Ponta Delgada destaca uma média diária de atendimentos urgentes de 292 utentes.

PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados