Política

PSD vai manter propostas de revisão constitucional


 

Lusa / AO online   Nacional   20 de Ago de 2010, 18:45

O líder parlamentar do PSD, Miguel Macedo, declarou esta sexta-feira que o partido vai manter as propostas de revisão constitucional que foram aprovadas no Conselho Nacional, nas áreas do emprego e políticas sociais.
“O órgão próprio do partido não fez nenhuma proposta de recomendação ou de alteração em relação a essa matéria pelo que, no domínio das políticas sociais, aquilo que foi contido no ante projecto de revisão constitucional que foi à Comissão Política Nacional e depois ao Conselho Nacional é para manter”, afirmou Miguel Macedo.

O jornal Sol publicou hoje em manchete que o PSD iria “suavizar” as propostas de revisão constitucional, citando declarações do jurista Calvão da Silva, que integra a comissão constituída no partido para elaborar uma proposta de revisão constitucional e que é coordenada por Paulo Teixeira Pinto.

Calvão da Silva defendeu que o processo de revisão constitucional “ainda não começou” e que a comissão que integra tem “um mandato lato” para propor alterações.

Em declarações aos jornalistas, Miguel Macedo insistiu que as propostas aprovadas no Conselho Nacional nas “matérias mais delicadas”, como as que visam pôr fim à tendência de gratuitidade no ensino ou na saúde ou a substituição da expressão “justa causa” por “razão atendível” como motivo para despedimento “é para manter”.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.