Política

PSD admite avançar com alterações às propostas de Orçamento e Plano

PSD admite avançar com alterações às propostas de Orçamento e Plano

 

Lusa/AO online   Regional   10 de Nov de 2011, 14:32

O PSD/Açores pode apresentar alterações às propostas de Orçamento e Plano da Região para 2012 apresentadas pelo executivo socialista tendo em vista combater “gorduras” e “gastos desnecessários”, admitiu o líder parlamentar social-democrata.
“Há cerca de um mês lançamos um desafio ao Governo Regional para cortar nas gorduras do orçamento e do sector público empresarial regional e aplicar as verbas daí provenientes nas empresas, nas famílias e no emprego”, afirmou Duarte Freitas, acrescentando que o partido vai "considerar esse repto nos debates das opções orçamentais para o próximo ano".

Duarte Freitas, que falava aos jornalistas em Ponta Delgada, no final de uma reunião com dirigentes da Câmara de Comércio a Indústria dos Açores, frisou que não fazem sentido, num momento de crise, os gastos previstos para o próximo ano em áreas como as “consultorias, viagens e telemóveis”.

Nesse sentido, defendeu ser necessário um “corte efectivo no sector público empresarial regional, naquilo que é, por exemplo os gastos com administradores", que o PSD/Açores estima serem três milhões de euros, mas também "nas gorduras em relação às consultorias, viagens e telemóveis”.

Duarte Freitas criticou, por outro lado, as reduções do investimento público regional previstas para 2012 no “eixo da promoção sustentável da economia” (12 por cento) e na qualificação profissional (16 por cento).

O líder parlamentar do PSD/Açores alertou ainda para a divergência entre o “discurso” do governo e o “conteúdo” das suas propostas de Orçamento e Plano para 2012.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.