Prémio Interallié atribuído a Yannick Haenel por "Jan Karski"


 

Lusa / AO online   Internacional   18 de Nov de 2009, 15:33

O prémio Interallié 2009, o último da temporada em França, foi atribuído a Yannick Haenel por "Jan Karski", romance sobre uma figura da Resistência polaca ao nazismo que tentou alertar o Ocidente para o extermínio dos judeus.
"É um livro que fala da Resistência polaca, de um Justo que salvou judeus durante a Segunda Guerra mundial", explicou o escritor após o anúncio do prémio.

"O livro - disse - chama-se 'Jan Karski', tem dois nomes na capa e o mais importante não é o meu".

"Jan Karski" é simultaneamente um livro documental e de ficção. Herói trágico e desconhecido fora da Polónia, Karski tentou alertar o Ocidente para o extermínio dos judeus da Europa de Leste durante a Segunda Guerra mundial.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.