Portugal com segunda menor taxa de oferta de emprego da UE no 1.º trimestre

Portugal com segunda menor taxa de oferta de emprego da UE no 1.º trimestre

 

Lusa/AO Online   Economia   18 de Jun de 2018, 11:28

Portugal registou a segunda menor taxa de ofertas de emprego (0,9%) no primeiro trimestre, menos de metade da média da zona euro (2,1%) e da União Europeia (UE 2,2%), segundo o Eurostat.

Na zona euro, a taxa de ofertas de emprego subiu, nos primeiros três meses do ano, para os 2,1%, face aos 1,9% homólogos e aos 2,0% do trimestre anterior.

Na UE, as ofertas de emprego aumentou para os 2,2%, quer na comparação homóloga (1,9%), quer em cadeia (2,0%).

Segundo o gabinete de estatísticas da UE, a Grécia registou a menor oferta de emprego (0,7%), seguindo-se Portugal e Espanha (0,9% cada), a Bulgária e a Irlanda (1,0% cada).

No extremo oposto situam-se, com as maiores taxas, a República Checa (4,8%), a Bélgica (3,5%), a Alemanha e a Suécia (2,9% cada).

As ofertas de emprego em Portugal subiram ligeiramente, entre janeiro e março, face aos 0,8% do trimestre anterior mas mantiveram-se estáveis na comparação homóloga (0,9%).



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.