Açoriano Oriental
Migrantes:
Polícia Marítima resgata 54 pessoas na ilha grega de Samos

A equipa da Polícia Marítima em missão na ilha grega de Samos resgatou, na noite de sexta-feira, 54 migrantes, dos quais 14 crianças, 20 mulheres e 20 homens, segundo um comunicado divulgado esta sexta feira.

Polícia Marítima resgata 54 pessoas na ilha grega de Samos

Autor: AO Online/ Lusa

O bote foi detetado pela equipa da Polícia Marítima na viatura de vigilância costeira, pelas 21:35, tendo passado as coordenadas à embarcação "Tubarão" que se dirigiu para a zona de Livadaki.

De acordo com o comunicado, a equipa chegou ao local pelas 22:00 e confirmou a presença de um bote com 54 migrantes, que se encontrava a meter água, e procedeu-se ao transbordo de todos as pessoas para a embarcação da Polícia Marítima, uma vez que o bote não oferecia condições de segurança.

Durante o trânsito para o porto de Vathy, foi necessário ministrar oxigénio a uma mulher que se encontrava debilitada, adianta a mesma fonte.

A embarcação da Polícia Marítima atracou no porto de Vathy pelas 23:21 e os migrantes foram entregues às autoridades gregas.

Desde 2014, ano em que iniciou a participação na missão Poseidon, a Polícia Marítima já salvou 7.065 vidas.

A Polícia Marítima está integrada na operação Poseidon, sob égide da Frontex (Agência Europeia da Guarda de Fronteiras e Costeira) e em apoio à Guarda Costeira grega, com o objetivo de controlar e vigiar as fronteiras marítimas gregas e externas da União Europeia no combate ao crime transfronteiriço, no âmbito das funções de guarda costeira europeia.



 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.