PCP anuncia voto contra o Programa do Governo Regional

PCP anuncia voto contra o Programa do Governo Regional

 

Lusa/AO online   Regional   19 de Nov de 2012, 11:37

O líder do PCP/Açores, Aníbal Pires, anunciou esta segunda-feira que o seu partido vai votar contra o Programa do Governo Regional presidido por Vasco Cordeiro, que entra em discussão esta semana no Parlamento açoriano.

O dirigente comunista, em conferência de imprensa na cidade da Horta, justificou esta posição com a "continuação do rumo errado" previsto no documento que define as linhas gerais do Governo de Vasco Cordeiro para os próximos quatro anos.

"Apesar das muitas promessas do candidato do PS/Açores, a verdade é que, da suposta agenda açoriana para o desenvolvimento, pouco se lê na proposta de Programa de Governo", alegou Aníbal Pires.

O líder dos comunistas açorianos lamentou, também, que o novo executivo socialista revele a intenção de "privatizar 50 por cento das empresas públicas e participadas da região", postura que, em seu entender, demonstra uma "obsessão privatizadora", que nem o PS, a nível nacional, subscreve.

O PCP/Açores acusa ainda Vasco Cordeiro de manter uma postura de "subserviência" para com Lisboa e de revelar "incapacidade" para utilizar "com coragem" os mecanismos da Autonomia para proteger os açorianos da política do Governo PSD/CDS-PP.

Aníbal Pires recordou, por outro lado, que as condições de vida das famílias açorianas continuam a degradar-se, fruto das políticas de austeridade e de "ataque aos rendimentos dos trabalhadores", impostas pelo Estado.

Na sua opinião, a proposta de Orçamento de Estado para 2013 que está em discussão na Assembleia da República, aponta para um rumo de "aprofundamento brutal deste caminho de empobrecimento e recessão", que é necessário travar.

"Importa que seja reconhecido que as medidas de austeridade têm efeitos muito mais graves nos Açores, devido à dimensão da economia regional e ao contexto insular", realçou o líder do PCP no arquipélago.

O plenário da Assembleia Legislativa dos Açores vai pronunciar-se esta semana, por proposta dos comunistas, sobre o Orçamento de Estado para o próximo ano, embora a agenda do Parlamento esteja preenchida com três dias de debate sobre o Programa do Governo.

Além, do PCP, também o Bloco de Esquerda já anunciou que irá votar contra o documento.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.