Comunidades

Passaportes para Angola facilitados

Carregando o video...

 

Francisco Cunha   Regional   18 de Ago de 2010, 15:19

A cônsul geral de Angola em Lisboa, Cecília Baptista, acordou no envio trimestral de uma equipa da embaixada até aos Açores para permitir aos cidadãos resolverem questões derivadas da emissão de passaportes daquele país africano.
A medida prende-se com a legislação angolana exigir a presença do interessado na entidade que emite o passaporte para o poder obter, ao contrário de outros países, onde tal pode ser feito à distância.

Cecília Baptista anunciou terça-feira a decisão aquando da visita oficial da cônsul angolana à sede da AIPA (Associação dos Imigrantes nos Açores).

“Recebemos essa decisão com muito apreço” apontou Paulo Mendes, presidente da AIPA.

“Como aqui nos Açores uma deslocação deste género implica uma despesa avultada, muitos dos interessados não a podem realizar”, explicou.

A diplomata elogiou ainda os esforços da associação em apoiar os imigrantes angolanos, assim como os serviços e recursos que possibilita às variadas comunidades imigradas na Região.

A comunidade angolana em São Miguel é a quarta maior da ilha, contando presentemente com cerca de 100 pessoas.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.