Açoriano Oriental
Operação da Ryanair para a ilha Terceira mantém-se para além de 2020

A secretária regional da Energia, Ambiente e Turismo anunciou, esta quarta-feira, que, fruto dos trabalhos desenvolvidos conjuntamente com o Governo da República e com o Turismo de Portugal, “foi possível manter as condições”, no âmbito dos compromissos do Plano de Revitalização Económica da Ilha Terceira (PREIT), reforçados pelo atual contexto de pandemia, para que “a Ryanair continue a operar da ilha Terceira para o continente português” para além de 2020.


Operação da Ryanair para a ilha Terceira mantém-se para além de 2020

Autor: Susete Rodrigues/AO Online

Citada em nota do executivo, Marta Guerreiro, manifestou satisfação pela continuidade da operação, que se irá manter na mesma modalidade, ou seja, seis ligações por semana, com quatro rotas para Lisboa e duas para o Porto.

 “Temos assegurada esta operação, que, para nós, é determinante”, frisou a secretária regional, sendo que os voos estão, a partir de hoje, disponíveis para comercialização no site da companhia aérea.

 “Fica confirmado que as supostas e alegadas informações de que a operação seria descontinuada não passavam, efetivamente, de mera especulação”, sublinhou Marta Guerreiro.

 Para a secretária regional, o investimento no setor turístico na Terceira tem sido “uma aposta vencedora”, onde, a par de outras companhias que operam para esta ilha, “os voos da Ryanair têm, de facto, tido um impacto determinante no desenvolvimento económico da ilha”.

 “Tudo continuaremos a fazer para que assim seja, para continuarmos a ter desenvolvimento económico por esta via, com criação de riqueza e também de postos de trabalho”, assegurou Marta Guerreiro.

 

 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.