Eleições no PSD/Açores

Natalino Viveiros disposto a fazer rupturas para ganhar regionais

Natalino Viveiros disposto a fazer rupturas para ganhar regionais

 

Lusa / AO online   Regional   31 de Out de 2007, 09:51

O candidato à liderança do PSD/Açores, Américo Natalino Viveiros, defendeu terça-feira a necessidade de rupturas no partido de modo a criar as condições para uma vitória nas eleições legislativas regionais de 2008.
“Estou na disposição de fazer as rupturas que for preciso para dar ânimo ao partido”, assegurou o candidato, que falava num encontro com militantes de Vila Franca de Campo, no âmbito da sua campanha para as eleições directas do PSD/Açores de 09 de Novembro.

Perante algumas dezenas de militantes, Américo Natalino Viveiros, referindo-se às regionais do próximo ano para o Parlamento açoriano, manifestou-se convicto de que “não há eleições ganhas de forma antecipada” mas alertou para a necessidade de “renovar o partido”.

O antigo secretário regional dos governos sociais-democratas considerou, ainda, que uma derrota nas eleições de regionais do próximo ano vai fazer com que o PSD/Açores “chegue enfraquecido” às autárquicas de 2009.

Caso o PSD/Açores não vença as legislativas regionais, “vai chegar em muito más condições a 2009, com o risco de se tornar num partido marginal na sociedade açoriana”, afirmou o candidato, que vai defrontar na corrida para a liderança dos sociais-democratas açorianos o actual presidente, Carlos Costa Neves.

Américo Natalino Viveiros acusou, também, a actual direcção do PSD/Açores de “pecar por omissão” no combate político regional e pela “ausência” de propostas alternativas à governação socialista.

Na sessão com os militantes de Vila Franca de Campo, Ilha de São Miguel, o candidato recebeu o apoio de Rui Melo, presidente da concelhia local e da Câmara Municipal, que comparou Costa Neves ao antigo treinador do Benfica, Fernando Santos, “esforçado e dedicado, mas resultados: nada”.

Rui Melo garantiu, ainda, que o apoio ao candidato é unânime na Comissão Política Concelhia que dirige, alegando que Américo Natalino Viveiros tem “experiência, disponibilidade e vontade de fazer crescer o PSD”.

Pela primeira vez, o PSD/Açores vai eleger o seu líder regional por eleições directas, agendadas para 09 de Novembro, ao que se segue o Congresso Regional, que vai decorrer na Ilha de São Miguel.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.