Alto Tâmega

Municípios apoiam construção da barragem de Vidago


 

Lusa / AO online   Nacional   28 de Set de 2007, 17:44

A Associação de Municípios do Alto Tâmega anunciou o seu apoio à construção da barragem de Vidago, em Chaves, que considera contribuir para  o desenvolvimento sustentável da região.
Os autarcas de Chaves (PSD), Boticas (PSD), Valpaços (PSD), Montalegre (PS), Ribeira de Pena (PSD) e Vila Pouca de Aguiar (PSD), em comunicado enviado à comunicação social, defenderam que este aproveitamento hidroeléctrico deve ser "executado a breve prazo".

A deliberação de apoio à construção da barragem de Vidago surgiu na sequência de uma notícia divulgada a 17 de Setembro pelo Diário de Notícias (DN), na qual o ministro do Ambiente, Nunes Correia, refere que as três barragens prioritárias do Plano Nacional de Barragens, a apresentar no decorrer da segunda quinzena de Setembro, são precisamente Fridão, Foz Tua e Vidago.

Segundo o DN, este plano será para executar até 2020, sendo que, juntos, os três projectos representam 487 megawatts, quase 10 por cento da actual potência hídrica instalada.

Embora ainda não haja dados oficiais sobre a construção das barragens, no Alto Tâmega unem-se já esforços em defesa deste empreendimento "face ao seu relevante interesse nacional e regional".

Os autarcas salientam os benefícios para o Alto Tâmega resultantes da criação de postos de trabalho indispensáveis à fixação da população e da regularização do fluxo hídrico daquele rio.

Para o desenvolvimento sustentável da região contribuirá o incremento turístico, ao criar um embalse de água e todas as condições para a prática de vários desportos náuticos, ao mesmo tempo que a albufeira garante uma reserva de água para poderá, por exemplo, ser utilizada no combate aos incêndios florestais.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.