Açoriano Oriental
Miguel Oliveira considera que cancelamento da corrida foi “decisão sensata”

O piloto português Miguel Oliveira (Aprilia) considerou que foi “a decisão sensata” a direção do Grande Prémio da Austrália cancelar a corrida sprint da categoria de MotoGP.


Miguel Oliveira considera que cancelamento da corrida foi “decisão sensata”

Autor: Lusa/AO Online

“De acordo com as previsões, o fator condicionante seriam as rajadas fortes de vento. Para as categorias mais baixas, isso não é tão preponderante. O vento estava lateral em toda a pista, sobretudo na reta, que é o ponto mais perigoso para nós”, explicou o português Miguel Oliveira (Aprilia), em declarações ao canal televisivo Sport TV, considerando que o cancelamento foi “a decisão sensata”.

Do fim de semana, Miguel Oliveira disse levar “alguma aprendizagem”. “Têm sido alguns fins de semana com ligeiras dificuldades em sítios particulares, sobretudo nas curvas mais rápidas. O comportamento comigo nessas situações é ligeiramente diferente face às outras três Aprilia”, precisou.

O piloto luso, que foi 13.º classificado na corrida principal desta 16.ª prova da temporada, realizada sábado, considerou que, apesar de tudo, “foi um fim de semana positivo apesar do resultado”. “Queria era sentir e ser mais competitivo durante a corrida e foi o que aconteceu”, sublinhou.

Agora segue-se o GP da Tailândia, prova que venceu em 2022.

“A Tailândia é um circuito onde as aprendizagens daqui podem servir. Sobretudo porque temos uma tipologia de pneu que para as Aprilia é o pior de todos. Tem a ver com a carcaça. Temos dificuldade em encontrar 'grip' [aderência] com esses pneus, como aconteceu na Índia”, explicou o piloto natural de Almada.

Sobre o alegado convite feito pela Honda para 2024, Miguel Oliveira escusou-se a revelar pormenores.

“Continuo focado naquilo que tenho de concreto na minha carreira que é a Aprilia e a [equipa] RNF, com quem tenho acordo até final de 2024”, disse.

No entanto, admitiu a abordagem da Honda.

“Quando o maior construtor do mundo nos aborda, nunca fechamos essa porta, que continua aberta porque ainda não anunciaram nenhum piloto. Mas até haver coisas concretas não vou dizer nada”, referiu Oliveira.

A 17.ª ronda da temporada é já no próximo fim de semana, na Tailândia.

 


PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados