Lucros do grupo Santander crescem 32,8%


 

Lusa / AO online   Economia   25 de Out de 2007, 12:11

Os lucros do grupo Santander cresceram 32,8 por cento nos nove primeiros meses do ano, para 6.572 milhões euros, contra 4.947 milhões euros no período homólogo de 2006, anunciou esta quinta-feira o maior banco espanhol.
Segundo as contas enviadas à Comissão Nacional do Mercado de Valores, os lucros de Janeiro a Setembro cresceram apenas 21 por cento, excluindo as mais-valias de 566 milhões de euros obtidas com a venda da participação de 1,79 por cento no banco italiano Intesa Sanpaolo.

Estes resultados foram conseguidos graças ao dinamismo da actividade comercial, com um aumento de 21 por cento nas receitas, face à subida de 10 por cento dos custos, traduzindo-se num aumento de 31,3 por cento na margem de exploração, o que melhor reflecte a evolução do negócio bancário.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.