Açoriano Oriental
Açores/Eleições
Livre gostaria que PS fizesse uma geringonça à esquerda

O porta-voz do Livre nos Açores, José Azevedo, considerou ter sido positivo o Partido Socialista (PS) perder a maioria absoluta nas eleições regionais e revelou que gostaria que fosse criada uma geringonça à esquerda.

Livre gostaria que PS fizesse uma geringonça à esquerda

Autor: Lusa/AO Online

“Nós gostaríamos que o PS fizesse um pacto à esquerda […], que tivéssemos aqui [Açores] uma repetição da geringonça. Mas vamos ver o que o PS fará. Um partido socialista digno desse nome faria uma aliança à esquerda”, salientou o candidato pelos círculos eleitorais de São Miguel e de compensação, em declarações à agência Lusa.

De acordo com José Azevedo, o facto de o PS ter perdido a maioria absoluta é bom, porque enriquece a democracia, mas a elevada taxa de abstenção e a eleição do partido Chega para o parlamento regional “são dois pontos negativos”.

“Nós vemos estes dois factos negativos como estando relacionados, tanto a abstenção como esta vaga da extrema-direita que corre o planeta inteiro e a Europa e que chega agora aos Açores, o que mostra que os Açores não estão isolados”, realçou.

Apontando para uma Assembleia Regional mais diversa, o dirigente do Livre explicou que 54,58% de abstenção e a eleição de dois deputados do Chega se deveram “à austeridade e à desagregação social”.

“Durante a campanha dissemos que nós precisamos de alterar o sistema […] em que o Estado e a democracia são esvaziados em favor da competição e do lucro. Temos uma economia baseada na competição e no lucro. Esta vaga de desemprego está a fazer as pessoas desesperadas e as pessoas desesperadas comportam-se de forma irracional e procuram respostas naqueles movimentos e naquelas ideias mais populistas”, disse.

Ao início da noite, o Livre analisou os resultados eleitorais, tendo verificado “uma tendência de subida” na expressão eleitoral do partido.

“Mesmo não tendo conseguido ganhar uma voz no parlamento regional, registamos com muito agrado que mais açorianos se revejam na nossa mensagem”, escreveu o partido.


 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.