Açoriano Oriental
Investimento chinês no estrangeiro caiu 33,5 por cento até novembro

As empresas chinesas realizaram investimentos não financeiros no estrangeiro no valor de 107.550 milhões de dólares (90.877 milhões de euros) até novembro, menos 33,5 por cento do que no mesmo período do ano passado, anunciou hoje o Governo chinês.


Investimento chinês no estrangeiro caiu 33,5 por cento até novembro

Autor: Lusa/AO online

De acordo com o Ministério do Comércio chinês, a queda reduziu-se em relação aos 40,9 por cento registados nos primeiros dez meses.

Deste total, o capital destinado a países que integram o projeto chinês de construção de infraestruturas e de desenvolvimento conhecido como Novas Rotas da Seda foi de 12.370 milhões de dólares (10.454 milhões de euros) até novembro.

Os acordos estabelecidos no âmbito desta iniciativa representaram 11,5 por cento do total de investimentos de empresas chinesas no estrangeiro, um aumento de 8,3 por cento em relação ao mesmo período do ano passado.

Em agosto deste ano, a China anunciou políticas para restringir o investimento de empresas nacionais noutros países especialmente em setores como o imobiliário e equipas desportivas, privilegiando antes as infraestruturas e as novas tecnologias.


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.