Investigador dos Açores descobriu 30 novas espécies de moluscos nas ilhas

Investigador dos Açores descobriu 30 novas espécies de moluscos nas ilhas

 

LUSA/AOnline   Regional   23 de Mar de 2013, 10:00

O investigador da Universidade dos Açores António Frias Martins descobriu cerca de 30 novas espécies de moluscos em várias ilhas do arquipélago, que serão agora descritas para serem validadas cientificamente, um trabalho "interessante, mas difícil".

“O facto de estarem descobertas não quer dizer que estejam acessíveis para estudo. Só depois de estarem descritas é que ficam acessíveis para a ciência. É-lhes dado um nome e feita uma descrição (morfológica e anatómica)”, disse à Lusa António Frias Martins, que se dedica há 30 anos ao estudo e investigação da malacologia, um ramo da biologia que estuda os moluscos.

Presentemente, os Açores têm identificadas e devidamente descritas 102 espécies de moluscos terrestres (caracóis), sendo que cerca de metade (47) são endémicas, o que faz do arquipélago um autêntico "laboratório natural".

“Quando dizemos que os Açores são um laboratório natural isto não é uma figura de estilo. É uma realidade”, afirmou António Frias Martins, recordando que desde sempre os arquipélagos oceânicos foram lugares onde se estudam a evolução das espécies “por estarem longe do continente mãe”, tal como fez Darwin nas Galápagos.

Frias Martins precisou que das cerca de 30 novas espécies que descobriu, oito estão na ilha de Santa Maria, quatro nas Flores e duas na mais pequena ilha dos Açores, sendo que pela primeira vez o Corvo “passará também a ter espécies endémicas”.

“Cada ilha é como um tubo de ensaio da evolução e tem características próprias que as identificam como espécies diferentes”, referiu o investigador, alegando que o trabalho de descrição é “muito interessante, mas muito difícil, porque morfologicamente as espécies apresentam muitas variedades, embora existam padrões que se podem reconhecer”.

Frias Martins revelou que dentro de dois a três meses espera ter pronto o trabalho de descrição das espécies identificadas nas duas ilhas do Grupo Ocidental, e que neste momento já tem dissecados e medidos 100 exemplares de moluscos do Corvo e das Flores, sendo que para cada exemplar é preciso analisar 20 parâmetros.

Recentemente foi publicado na revista Zootaxa uma nova espécie de caracol endémico (Caracol verde) em Santa Maria, uma ilha com 14 espécies exclusivas de entre as 20 endémicas já registadas.

“Foi descoberta numa expedição feita em 1993, mas já se conhecia as conchas desta espécie, que foram recolhidas em 1857”, adiantou Frias Martins.

Nos Açores, além dos moluscos terrestres como caracóis e lesmas, também é possível observar moluscos marinhos "com grande interesse científico", entre os quais lulas, ameijoas e búzios.

Em todo o mundo, estão atualmente identificadas cerca de 50 mil espécies de moluscos.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.