Guimarães empata e não consegue isolar-se no segundo posto

Guimarães empata e não consegue isolar-se no segundo posto

 

Lusa/AO   Futebol   10 de Nov de 2007, 21:16

O Vitória de Guimarães desperdiçou hoje a oportunidade de se isolar, provisoriamente, no segundo posto da classificação da Liga portuguesa de futebol, ao empatar em casa com o Paços de Ferreira, penúltimo classificado
À 10ª jornada, os vimaranenses cederam pela segunda vez pontos em casa - já haviam empatado com o Vitória de Setúbal -, mas acabaram por igualar na segunda posição o Benfica, com 19 pontos, e ultrapassar o Sporting, com 18, equipas que apenas jogam domingo.
Com este nulo, o Paços de Ferreira deixou a zona de despromoção, por troca com a Naval 1º de Maio, mas com os mesmos pontos que o conjunto da Figueira da Foz e que o Boavista, que ocupa o 13º lugar.
O primeiro encontro da ronda, entre Belenenses e Leixões, também terminou com um empate, que impediu os "azuis" de chegar pela primeira vez esta temporada a um lugar "europeu".
No Estádio do Restelo, em Lisboa, José Pedro, aos quatro minutos, colocou o Belenenses na frente, abrindo boas perspectivas para o objectivo de alcançar provisoriamente o quinto lugar, mas, aos 80, na primeira vez que tocou na bola, o nigeriano Nwoko acabou por dar o empate ao Leixões.
Após três "nulos" consecutivos, o último dos quais no Estádio do Dragão, onde retirou os primeiros pontos ao líder FC Porto, o Belenenses segue no sétimo posto, com 13 pontos, enquanto o Leixões, que consolidou o estatuto de "rei" dos empates (sete), é 10º com outros tantos pontos.
Domingo, será o dia mais preenchido da 10ª jornada, com os três "grandes" de regresso ao campeonato após a participação na Liga dos Campeões: o FC Porto, bicampeão e líder, joga no reduto do Estrela da Amadora, enquanto Benfica (2º) e Sporting (3º) têm difíceis deslocações aos terrenos do Boavista e do Sporting de Braga, respectivamente.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.