Governo quer criar sociedade de capitais públicos para gestão ambiental


 

Lusa/AO Online   Regional   17 de Dez de 2009, 17:30

O Governo Regional dos Açores pretende criar uma sociedade de capitais públicos destinada à gestão ambiental e à conservação da natureza no arquipélago, tendo já entregue no parlamento uma proposta com esse objectivo.

A iniciativa governamental, a que a Lusa teve hoje acesso, prevê a criação de uma empresa denominada Azorina, com um capital social de 50 mil euros, para "reforçar a participação pública e aumentar o valor natural dos Açores, numa perspectiva de desenvolvimento sustentável".


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.