Austrália

Francês detido por escalar 57 andares em edifício de Sidney


 

Lusa/AO online   Internacional   30 de Ago de 2010, 11:36

O escalador francês Alain Robert, 48 anos, conhecido como “Homem Aranha”, foi detido pela polícia australiana em Sidney depois de ter escalado 57 andares, sem a ajuda de cordas.
Robert demorou 20 minutos a chegar ao topo do edifício Lumiere, um dos maiores arranha-céus de Sidney, perante o olhar de muitos curiosos que se concentraram nas ruas.

“Lamento que tenha sido preso, mas espero que em breve possamos celebrar”, disse o agente do escalador, Max Markson.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.