Açoriano Oriental
Finançor pondera construção de hotel na Pranchinha

O Grupo Finançor está a ponderar a construção de um hotel nas instalações da sua antiga unidade fabril na Pranchinha, em terrenos localizados junto ao mar.

article.title

Foto: Direitos Reservados
Autor: Paulo Faustino

Esta é uma possibilidade que decorre da recente inauguração em Ponta Delgada do novo complexo industrial do grupo, que inclui uma moagem, fábrica de bolachas e padaria/pastelaria.

Em causa está um empreendimento turístico que se encontra ainda na fase das ideias, existindo a ambição de torná-lo realidade entre 3 e 5 anos.

O vice-presidente da Finançor confirma o “sonho” de transformar a antiga fábrica numa unidade hoteleira temática, de 4 ou 5 estrelas, aproveitando a sua localização privilegiada. Para isso, porém, pede melhorias no funcionamento da vizinha Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR), por forma a assegurar-se boas condições ambientais - a começar pelo fim dos maus cheiros que ainda se fazem sentir ocasionalmente - para a concretização do investimento.

“A nossa ideia é eventualmente vir a construir uma unidade hoteleira, de 4 ou 5 estrelas - com frente mar e interface com o oceano - numa localização que nos parece privilegiada, mas pretendemos para isso que sejam garantidas determinadas condições e uma delas é o correto funcionamento da ETAR da Pranchinha, para evitar maus cheiros”, frisou, em declarações ao Açoriano Oriental.

Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.