LC

FC Porto está pela 11.ª vez nos 'oitavos', que só ultrapassou três vezes

FC Porto está pela 11.ª vez nos 'oitavos', que só ultrapassou três vezes

 

Lusa/Ao online   Futebol   15 de Dez de 2018, 15:12

O FC Porto vai disputar pela 11.ª vez os oitavos de final da Liga dos Campeões em futebol, sendo, das 16 equipas presentes no sorteio de segunda-feira, a que mais vezes caiu nesta fase.

Desde que em 2003/04 os ‘oitavos’ foram introduzidos no programa da ‘Champions’, os atuais detentores do título luso ‘tombaram’ por sete vezes, em 10 tentativas, qualificando-se em apenas três ocasiões.

Os ‘dragões’ até se estrearam da melhor forma nesta fase, superando o Manchester United (2003/04), rumo ao seu segundo título europeu, mas, depois disso, só lograram eliminar o Atlético de Madrid (2008/09) e o Basileia (2014/15).

A lista de eliminações é mais extensa, já que os portistas ‘caírem’ perante Inter de Milão (2004/05), Chelsea (2006/07), Schalke 04 (2007/08), Arsenal (2009/10), Málaga (2012/13), Juventus (2016/17) e Liverpool (2017/18).

No total, nos ‘oitavos’, o FC Porto contabiliza cinco vitórias, sete empates e oito derrotas, em 20 jogos, com 18 golos marcados e 29 sofridos.

A estreia dos ‘dragões’ nos ‘oitavos’ foi memorável, já que os então comandados de José Mourinho afastaram o ‘todo poderoso’ Manchester United, de Cristiano Ronaldo, com um 1-1 em Inglaterra, após um triunfo caseiro por 2-1.

Em Old Trafrord, um golo de Costinha, aos 90 minutos, qualificou os portistas, após um jogo em que Paul Scholes adiantou os ‘red devils’, aos 31, e ainda chegou ao ‘bis’, erradamente invalidado pelo árbitro.

Nas três presenças seguintes, tudo foi bem diferente, com o FC Porto a cair perante o Inter de Milão, do ‘imperador’ Adriano, em 2004/05, o Chelsea, no reencontro com Mourinho, em 2006/07, e o Schalke 04, de Manuel Neuer, em 2007/08.

O segundo apuramento aconteceu em 2008/09, com os ‘dragões’ a ultrapassarem o Atlético de Madrid, ainda antes da chegada do treinador argentino Diego Simeone, graças aos golos fora: 2-2 no Calderón e um suficiente 0-0 no Dragão.

Na época seguinte, face ao Arsenal, o recordista de eliminações nos ‘oitavos’ (nove), o FC Porto ainda ganhou em casa (2-1), mas foi goleado em Londres (0-5), para, em 2012/13, cair face ao ‘modesto’ Málaga (1-0 em casa e 0-2 fora).

O derradeiro apuramento, e único sem problemas, aconteceu há quatro anos, em 2014/15, com os comandados do espanhol Julen Lopetegui superaram o Basileia, com um empate 1-1 fora e uma goleada caseira por 4-0.

Nas duas últimas temporadas, as coisas voltaram a não correr bem para o FC Porto, que, em quatro jogos, com Juventus e Liverpool, não conseguiu sequer marcar um golo, caindo por 0-3 e 0-5, respetivamente.

Em 2019, com primeira mão a 12, 13, 19 ou 20 de fevereiro, em reduto alheio, e segunda a 05, 06, 12 ou 13 de março, no Dragão, o FC Porto jogará os ‘oitavos’ pela 11.ª vez, face a Atlético de Madrid, Tottenham, Liverpool, Ajax, Lyon, Roma ou Manchester United.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.