Lagoa

Fase final do Núcleo Museológico do Presépio inaugurada esta quarta-feira

Fase final do Núcleo Museológico do Presépio inaugurada esta quarta-feira

 

Paulo Faustino   Cultura e Social   24 de Abr de 2019, 12:25

A terceira e última fase do Núcleo Museológico do Presépio, instalado no Convento de Santo António, em Santa Cruz, vai ser inaugurada esta quarta-feira às 18h00 pela Câmara Municipal de Lagoa (CML).

O Núcleo Museológico do Presépio e o da Memória do Território, que está a ser preparado, serão as duas exposições-âncora, de longa duração e centradas na história e identidade concelhias, que o Museu de Lagoa - Açores albergará na sua sede.

Segundo informa nota de imprensa, o Núcleo do Presépio terá duas salas de exposição e uma oficina, onde, mediante reserva, será disponibilizada formação na arte bonecreira e desenvolvidas atividades de serviço educativo. Na segunda sala - adianta -, os visitantes podem, também, assistir a um documentário, com a duração de quinze minutos, no qual conhecedores, colecionadores e artistas falam sobre a atividade.

Nas duas salas do Núcleo Museológico do Presépio, que pode ser visitado de segunda a sexta-feira entre as 10h00 e 18h00, a Natividade é explicada e contextualizada historicamente, sendo dado ênfase ao período compreendido entre 1862, data da abertura da primeira fábrica de cerâmica no concelho, e a atualidade.

Nesse contexto, é explicada a relação entre a arte bonecreira e o movimento regionalista, nomeadamente a estabelecida entre Luís Gouveia - figura tutelar e referência artística que teve um papel importante no processo de renovação da cerâmica lagoense - e os intelectuais Armando Côrtes-Rodrigues, Francisco Carreiro da Costa e Domingos Rebelo.

Mais refere que na exposição são identificados os artistas e as suas particularidades estilísticas, bem como as tipologias quer das figuras, quer ainda dos presépios de estrado e de “lapinha”, expostos em maquinetas e redoma. Na mesma ocasião, será colocada online a Rota Bonecreira, um recurso que identifica e mapeia os bonecreiros espalhados pelo concelho.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.