Açoriano Oriental
Exercício AÇOR24 simula catástrofe na ilha Terceira

A resposta a uma catástrofe na ilha Terceira, é o cenário do exercício AÇOR24 que junta os três ramos das Forças Armadas, entre 03 e 10 de junho, numa interação com entidades civis e regionais

Exercício AÇOR24 simula catástrofe na ilha Terceira

Autor: Lusa /AO Online

Segundo o Comando Operacional dos Açores, o exercício AÇOR24 "treina a interação das estruturas de comando militares da região, COA e Comandos das Zonas Marítima, Militar e Aérea, entre o COA e os organismos e entidades civis regionais, nomeadamente o Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA), e entre o COA e o Comando Conjunto para as Operações Militares do Estado-Maior General das Forças Armadas".

Promovido pelo Comando Operacional dos Açores (COA), estes exercícios da série AÇOR visam "exercitar, testar e avaliar" a resposta a missões de apoio militar a emergências civis (AMEC) realizadas nos Açores, é referido em nota de imprensa.

No caso do exercício que vai decorrer na ilha Terceira entre 03 e 10 de junho, o cenário simulado será uma catástrofe que leva ao pedido de apoio das Forças Armadas.

De acordo com o COA, "serão concentrados meios" naquela ilha e "parte dos incidentes implicará uma atuação integrada entre meios militares e civis", uma vez que o Açor24 decorrerá "em simultâneo com um exercício do SRPCBA".

O exercício AÇOR 24 terminará a 08 de junho, havendo pelas 10h30 desse dia um evento, no Miradouro das Cinco Ribeiras, aberto à população civil e onde serão empregues capacidades militares em conjugação com capacidades civis, acrescenta o COA no comunicado de imprensa.

PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados