Team Europa

Escolas vão receber cursos sobre integração e alargamento europeus


 

Lusa / AO online   Regional   1 de Out de 2007, 15:29

Organismos de divulgação sobre a União Europeia vão realizar 19 cursos sobre a integração e alargamento europeus nas escolas dos Açores, que deverão abranger cerca de um milhar de alunos.
“A importância que tem a integração europeia é uma realidade distorcida pela maior parte da população, em particular os jovens, a quem importa sensibilizar para uma cidadania efectiva, de âmbito europeu”, adiantou Pedro Faria e Castro, membro do Team Europa, à agência Lusa.

O professor universitário justificou estas acções pelo facto de a “Europa dever ser construída por todos e não apenas por uma elite”, alegando que, “até ao momento, essa construção assenta em tratados negociados e aprovados apenas pelos governos”.

“É fundamental que as populações, em particular os mais jovens, assegurem uma participação efectiva no processo de construção europeia”, preconizou.

Para isso, os organismos europeus Europe Direct, Team Europa e o Centro de Documentação Europeia da Universidade dos Açores apresentaram à Comissão Europeia um projecto para desenvolver junto das escolas dos 19 concelhos das ilhas açorianas.

Pedro Faria e Castro salientou que “o custo do projecto é, apenas, o das deslocações e alojamento dos conferencistas às diferentes ilhas”.

O projecto a desenvolver durante este ano lectivo, deverá abranger, segundo os organizadores, mais de mil alunos.

Vão ser abordados os temas do “Processo de Integração Europeia”, “Os Açores e a Europa - Ultraperiferia e Insularidade” e “A Europa e os Desafios do século XXI”.

O projecto deverá encerrar em Junho do próximo ano com a realização de um congresso, na ilha de São Miguel, em que participam todos os alunos das nove ilhas açorianas que marcaram presenças nas sessões de esclarecimento sobre a Europa.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.