Empresa de arquivos investe 650 mil euros e cria 10 novos empregos em Vila do Conde


 

Lusa/Ao online   Nacional   16 de Fev de 2019, 10:19

Uma empresa especializada em arquivo de documentação anunciou esta sexta feira um investimento de 650 mil euros num novo depósito em Vilar de Pinheiro, freguesia de Vila do Conde, criando dez novos postos de trabalho.

Segundo informação prestada pela EAD [Empresa de Arquivo de Documentação], a nova valência conta com uma área de 800 metros quadrados e nove metros de altura e capacidade para albergar 74 mil caixas de arquivo.

Ao todo, a empresa passará a dispor, em Vilar de Pinheiro, de uma capacidade para custódia de arquivo de 190 mil caixas, o equivalente a 85 quilómetros de arquivo, o que levou à necessidade do reforço da mão-de-obra.

"A crescente procura por parte dos nossos clientes e parceiros na região Norte levou a esta necessidade de aumentar a equipa e as infraestruturas em Vilar do Pinheiro, onde contamos agora com 17 colaboradores", explicou, em comunicado, Paulo Veiga, responsável pela empresa.

Além do centro de operações de Vilar do Pinheiro, a EAD dispõe, ainda, de centros de operações em Palmela, Montijo, Caniço (Madeira) e Ribeira Grande (Açores), empregando 137 pessoas.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.