Açoriano Oriental
EUA/Eleições
Embate ideológico entre Kamala Harris e Mike Pence no único debate vice-presidencial

O atual vice-presidente Mike Pence e a candidata democrata ao cargo, Kamala Harris, vão encontrar-se em Salt Lake City, Utah a 7 de outubro para o único debate vice-presidencial das eleições de 03 de novembro.


Autor: Lusa/AO Online

 A noite será moderada pela chefe da delegação do jornal USA Today em Washington, D.C., Susan Page, e vai decorrer na Universidade do Utah.

Embora os tópicos a serem debatidos por Harris e Pence não tenham sido divulgados, é expectável que parte da discussão se centre nos últimos desenvolvimentos na Casa Branca, com o presidente Donald Trump e vários altos funcionários da administração a contraírem covid-19.

A pandemia é um dos temas mais influentes na campanha e Mike Pence deverá ser chamado a responder pela sua prestação como líder da equipa que agilizou o combate ao novo coronavírus a partir de março.

A subsequente recessão económica e as alterações que a administração está a tentar fazer no Affordable Care Act (conhecido como Obamacare) deverão ser abordadas nesta discussão.

Além disso, a campanha também está a ser marcada por tensões raciais e protestos em várias cidades e pela vaga no Tribunal Supremo, que poderá ser decisivo em questões ideológicas muito importantes para Pence e Harris, como o direito ao aborto.

Não se espera que a discussão entre os dois candidatos resvale para a agressividade que foi registada no confronto entre Donald Trump e Joe Biden, a 29 de setembro, mas este debate é considerado um dos mais importantes de sempre ao nível de vice-presidentes.

O facto de Donald Trump estar doente e de Joe Biden ser o candidato mais velho de sempre, com 77 anos, deverá abrir a questão sobre a preparação dos vice-presidentes para assumir o cargo de chefe de estado, no caso de ser necessário.

Ambos os candidatos são considerados bons na arte do debate.

Na campanha de há quatro anos, Mike Pence participou em apenas um debate vice-presidencial contra Tim Kaine, que concorria então ao cargo ao lado de Hillary Clinton.

Kamala Harris, que foi candidata à nomeação presidencial pelos democratas em 2019, sobressaiu nas rondas de debates pela postura assertiva e fez manchetes quando confrontou o agora aliado Joe Biden em questões de justiça racial.

O debate entre Harris e Pence durará uma hora e meia sem intervalos comerciais e terá nove segmentos de cerca de 10 minutos cada. Os segmentos serão dedicados a tópicos distintos, com os candidatos a terem o mesmo tempo para responder e dar réplica às respostas do oponente.

 Este é o segundo debate do ciclo eleitoral e sucede a um primeiro encontro entre o presidente Donald Trump e o candidato democrata Joe Biden, em Cleveland, Ohio.

 As constantes interrupções, insultos e acrimónia desse encontro levaram a Comissão de Debates Presidenciais (CPD, na sigla inglesa), uma organização não partidária, a dizer em comunicado que serão efetuadas mudanças nos próximos debates.

Segundo a Comissão, o primeiro debate entre Trump e Biden "tornou claro que estruturas adicionais devem ser acrescentadas ao formato dos restantes debates para assegurar uma discussão mais ordeira".

 A CPD, que agradeceu ao moderador Chris Wallace, que tentou controlar os momentos caóticos do debate, disse que está a analisar as mudanças que serão adotadas e irá revelá-las brevemente.

Não houve, até agora, anúncio de modificações referentes ao debate entre vice-presidentes.


 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.