Açoriano Oriental
Ecomuseu do Corvo visa a salvaguarda e afirmação do património
O Diretor Regional da Cultura considerou o Ecomuseu do Corvo um "projeto de intervenção museológica que visa garantir a salvaguarda e a afirmação do património natural, histórico, paisagístico e cultural" que promove "o desenvolvimento local e a qualidade de vida da população
article.title

Foto: GACS
Autor: Ana Carvalho Melo

Nuno Ribeiro Lopes, que falava terça-feira no Pavilhão Multiusos do Corvo, na sessão de apresentação e discussão pública do projeto do Ecomuseu, destacou os diversos tipos de levantamento necessários ao conhecimento profundo da realidade do núcleo antigo da Vila do Corvo.

 

Nesta sessão foram apresentadas diversas propostas de intervenção urbana, nomeadamente um novo modelo de iluminação para as diversas áreas do tecido urbano e o projeto de arquitetura, em formato tridimensional, do Museu do Tempo que, segundo o Diretor Regional da Cultura, representa “uma componente muito importante do Ecomuseu, enquanto sistema de redes multirrelacionais que articula polos, recursos e complexos de valor patrimonial, geridos nos respetivos contextos ecológicos e numa perspetiva de desenvolvimento social e local”.


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.