Cursos reforçam competências dos árbitros de voleibol

Cursos reforçam competências dos árbitros de voleibol

 

Arthur Melo/AVSM   Voleibol   15 de Out de 2009, 12:25

A Associação de Voleibol de São Miguel realiza, de 16 a 18 do corrente, o III Clinic de Arbitragem, em regime de internato, dedicado aos árbitros de voleibol que vão arbitrar os jogos dos campeonatos da série Açores.
A formação visa reforçar os conhecimentos dos árbitros em diversas matérias, focando-se este ano a área de intervenção ao nível das tendências evolutivas do voleibol no futuro, as recentes alterações às regras e a melhor forma de gerir situações de conflito em competição.

Entre sexta-feira e domingo os árbitros vão ter oportunidade de debater todos estes temas, tendo a Associação de Voleibol de São Miguel convidado, para o efeito, prelectores com provas dadas nas diversas matérias, como são os casos de Lídio Ferreira (árbitro internacional), Carlos Prata (director do departamento de formação da Federação) e Nuno Corte-Real (Faculdade de Desporto do Porto).

Estão seleccionados para o III Clinic de Arbitragem dezoito árbitros de seis das nove ilhas dos Açores (São Miguel, Santa Maria, Terceira, Faial, São Jorge e Pico). Mas não é só ao nível da arbitragem que vai haver formação.

Entre os dias 16 e 22 de Outubro terá lugar um curso de I nível para treinadores de voleibol, acção que conta com três dezenas de inscritos e que contará com prelectores locais e nacionais, como são os casos de António Gomes (Direcção Regional do Desporto), Hélio Ormonde, Paulo Matos e Luís Magalhães (Associação de Voleibol de São Miguel), António Guerra e Alexandre Afonso (Gabinete Técnico da Federação).

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.