Conselho de Disciplina da FPF decide a favor do Santa Clara

Conselho de Disciplina da FPF decide a favor do Santa Clara

 

Susete Rodrigues/AO Online   Futebol   7 de Ago de 2018, 17:32

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol decidiu a favor do Santa Clara, no processo movido pelo União da Madeira, que havia apresentado uma queixa pelo facto de Carlos Pinto, treinador dos encarnados de Ponta Delgada até ao final da última época, não ter as habilitações mínimas (Nível 3) para dirigir uma equipa na II Liga.

De acordo com a decisão, conhecida esta terça-feira, o Conselho de Disciplina refere que "decidem julgar improcedente, por não provada, a acusação e consequentemente absolvem a Santa Clara Açores - Futebol SAD da prática dos ilícitos disciplinares".


Recorde-se que o Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, já havia decidido a favor do Santa Clara num outro processo pela não inscrição de dois jogadores sub-23 nos últimos jogos na II Liga, na época passada.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.