Congresso das agências de viagens nos Açores já conta com 550 agentes do setor

Congresso das agências de viagens nos Açores já conta com 550 agentes do setor

 

Lusa/AO online   Regional   2 de Nov de 2018, 16:30

O 44.º Congresso Nacional da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo (APAVT), que vai decorrer em Ponta Delgada este mês, já conta com "mais de 550 empresários e gestores" inscritos, anunciou a organização.


"Uma vez mais, a APAVT reúne o setor, para olhar o futuro. Vivemos um momento agridoce. Por um lado, colecionámos êxitos vários, ao longo do último ciclo de crescimento, por outro, vivemos uma atmosfera de fim de ciclo, que nos obriga a repensar estratégias e atitudes, estratégias e atitudes que abordaremos, imersos num destino turístico ímpar, que são os Açores", afirma o presidente da APAVT, Pedro Costa Ferreira, em comunicado.

O congresso, que vai decorrer de 22 a 24 de novembro, na cidade de Ponta Delgada, nos Açores, vai ser o palco do debate turístico nacional sobre as questões em torno dos desafios do crescimento do setor.

"Estou certo de que estão reunidas todas as condições para mais um grande congresso", refere ainda Pedro Costa Ferreira.

Entre muitos outros painéis e presenças, o evento vai contar com o advogado, vice-presidente do CDS e ex-secretário de Estado do Turismo, Adolfo Mesquita Nunes, com o presidente do Turismo de Portugal, Luis Araújo, o presidente da ALEP - Associação do Alojamento Local em Portugal, Eduardo Miranda, a par do presidente executivo da Boost Portugal, João Paiva Mendes, como oradores do tema principal do congresso "Turismo em Portugal: Os desafios do crescimento".

Especificamente sobre o destino Açores, e sobre a mesma abordagem, o congresso conta com um painel com a participação da Secretária Regional da Energia, Ambiente e Turismo dos Açores, Marta Guerreiro, com o presidente da Câmara de Comércio de Angra do Heroísmo, ex-agente de viagens e atual hoteleiro, Rodrigo Rodrigues, da secretária-geral da AHRESP, Ana Jacinto, e do presidente da SDEA - Sociedade de Desenvolvimento Empresarial dos Açores e ex-secretário Regional do Turismo e Transportes, Vítor Fraga.

Em julho, o presidente da APAVT afirmou que a escolha dos Açores para o congresso nacional é mais uma etapa de um conjunto de ações com vista à visibilidade do destino.

"A concretização deste evento em Ponta Delgada, deve ser entendido como mais uma etapa, de um conjunto largo de ações concretas, que visaram, todas elas, a visibilidade nacional e internacional do arquipélago, bem como o desenvolvimento de boas práticas de proximidade entre a comunidade dos agentes de viagens e o destino", afirmou, na altura, Pedro Costa Ferreira.

O responsável enalteceu ainda a escolha, lembrando "a importância que os Açores têm", no âmbito do mercado emissor de turistas nacionais, mas também "pela relevância do trabalho conjunto que tem vindo a ser realizado" pela tutela do turismo açoriano e pelos agentes de viagens e operadores nacionais.

Esta não é a primeira vez que os Açores recebem um congresso da APAVT. A associação já tinha feito esta escolha para os congressos de 1995, 2006 e 2013, este último na Ilha Terceira, no mesmo ano em que elegeram a região para “Destino Preferido da APAVT”.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.