César apela a uma nova dimensão ética

 César apela a uma nova dimensão ética

 

Lusa/Ao Online   Regional   22 de Dez de 2008, 16:46

O presidente do Governo açoriano apelou hoje na sua mensagem de Natal "a uma nova dimensão ética reabilitadora das relações económicas e sociais", alegando que a actual crise internacional adia desenvolvimentos positivos.

   "Porque o mundo pode e deve ser melhor, está ao alcance dos homens e das mulheres a procura dessa nova dimensão ética reabilitadora das relações económicas e sociais", afirmou Carlos César, convicto da "superação das dificuldades, que também já chegaram aos Açores, embora de forma incomparavelmente mais ténue".

    Salientando que na "sociedade globalizada é cada vez mais difícil escapar a crises com a extensão da actual", Carlos César lembrou que estão a ser tomadas medidas na região para proteger as famílias e o emprego.

    "Já vivemos tempos melhores. Todos esperamos, ainda assim, que as consequências e as vítimas de tudo isso sirvam para despertar novas consciências e novos caminhos", sustentou o presidente do Governo açoriano.

    Na tradicional mensagem de Natal, o chefe do executivo açoriano considerou que arquipélago vai "conseguir minorar esses efeitos mais negativos".

    "Não deixaremos de ter problemas, como sempre os tivemos, mas vamos ter e somar sucessos, como também tem acontecido", frisou Carlos César, que deixou ainda na mensagem votos de boas festas extensivo a todos os açorianos espalhados pelo mundo.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.