Açoriano Oriental
Cerimónia do Dia do Combatente cancelada

A cerimónia do Dia do Combatente do Núcleo das ilhas de São Miguel e Santa Maria, agendadas para dia 9 de abril (quinta-feira), foram canceladas.

Cerimónia do Dia do Combatente cancelada

Autor: Susete Rodrigues/AO Online

A cerimónia do Dia do Combatente este ano iria decorrer junto do memorial dos vila-franquenses mortos nas campanhas ultramarinas de 1961-1975, com o indispensável apoio das Forças Armadas nos Açores e da Câmara Municipal de Vila Franca do Campo. No entanto, a direção do Núcleo das ilhas de São Miguel e Santa Maria, refere em comunicado que "atendendo às circunstâncias que vivemos nos dias de hoje, vamos cancelar este evento e outros a ele associados".

Em alternativa, a direcção do Núcleo "vem por este meio recordar e homenagear todos os combatentes vivos, desejando-lhe coragem para ultrapassarem o melhor possível mais esta difícil provação porque estamos todos a passar, e aos que tombaram no cumprimento das suas missões, a nossa eterna gratidão".

A nota diz ainda que esta efeméride recorda a "batalha de La Lys, França, ocorrida no dia 9 de abril de 1918 no âmbito da I Guerra Mundial, em que as forças nacionais do Corpo Expedicionário Português (CEP), sofreram um violento ataque que lhes provocou largos milhares de mortos, feridos e prisioneiros". 

A fim de perpetuar as "enormes provações sofridas pelos militares do CEP, foi escolhida este dia para Dia do Combatente".



PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.