Cavaco conclui hoje visita às "ilhas da coesão" açoriana

Cavaco conclui hoje visita às "ilhas da coesão" açoriana

 

Lusa/AO Online   Regional   23 de Set de 2011, 08:21

Ao penúltimo dia de viagem pelo arquipélago dos Açores, o Presidente da República chega hoje às Flores e ao Corvo, concluindo a visita pelas chamadas “ilhas da coesão”.

Depois de ter passado por Santa Maria, Graciosa e São Jorge, numa viagem que teve início na terça-feira, Cavaco Silva cumpre hoje o compromisso assumido em 2007, quando visitou pela primeira vez os Açores enquanto chefe de Estado, de visitar todas as ilhas do arquipélago, incluído as mais pequenas, as chamadas "ilhas da coesão".

Num dos dias mais cheios do programa da visita, o Presidente da República irá partir de São Jorge às 09:00 em direção à ilha das Flores, onde chegará cerca de uma hora depois a bordo de um C-295 da Força Aérea Portuguesa, que tem transportado a comitiva na viagem.

Contudo, esta primeira passagem pelas Flores será breve, com tempo apenas para uma visita à antiga fábrica da Baleia e ao Centro Interpretativo do Boqueirão, pois ainda antes do meio-dia, Cavaco Silva voltará a entrar no C-295 para ir em direção à mais pequena ilha açoriana, o Corvo.

A estadia no Corvo também não será muito demorada, cerca de três horas, com o Presidente da República a ser recebido nos paços do concelho, seguindo depois para um almoço com a população no pavilhão multiusos.

Pouco depois das 15:00, a comitiva presidencial estará de regresso à ilha das Flores, onde irá visitar a exposição fotográfica “Aproximações”, de Jorge Barros, no museu.

Depois de uma passagem por Lages das Flores e pela Fajã Grande, o dia terminará com um jantar oferecido pelos presidentes das câmaras municipais de Santa Cruz das Flores e de Lages das Flores.

No sábado, o Presidente da República irá deslocar-se à ilha de São Miguel.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.