Eleições

Campanhas eleitorais de 2009 custam 70,5 milhões


 

Lusa/AOonline   Nacional   17 de Out de 2008, 15:47

As campanhas partidárias para as três eleições previstas para 2009 – europeias, legislativas e autárquicas – vão custar 70,5 milhões de euros, segundo o orçamento da Assembleia da República aprovado esta sexta-feira.
O orçamento do Parlamento tem inscritas as subvenções estatais para as campanhas eleitorais, por transferência do Orçamento do Estado.

    Das três, a campanha para as eleições autárquicas é a mais cara (57.797.550 euros), seguida das legislativas (8.520.000 euros) e europeias (4.260.000 euros), lê-se na proposta de orçamento, a que a Lusa teve acesso.

    Estas subvenções estão previstas na lei do financiamento dos partidos e das campanhas eleitorais, revista em 2003.

    Em 2009, os sete partidos com representação parlamentar vão receber, no total, 17,2 milhões de euros de subvenção anual, dependente do número de votos obtido nas eleições legislativas.

    O orçamento da Assembleia da República para 2009, com uma dotação global de 184,3 milhões de euros, foi aprovado esta sexta-feira por unanimidade no Parlamento.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.