Zona Euro

BCE revê em alta previsões de crescimento para 2010 e 2011


 

Lusa / AO online   Economia   3 de Dez de 2009, 15:10

O Banco central Europeu (BCE) reviu em alta a previsão de crescimento da Zona Euro em 2010, apontando para uma taxa de 0,8 por cento contra 0,2 por cento antes, e prevê uma aceleração para 1,2 por cento em 2011.
Para 2009, o BCE espera agora uma recessão menos acentuada na Zona Euro, cifrando-a em 4 por cento, contra 4,1 por cento antes.

Os dados foram divulgados esta quinta-feira após o anúncio da decisão do BCE de manter as suas taxas de juro em mínimos históricos, com a principal taxa directora em um por cento.

O BCE publica previsões de crescimento e de inflação para a Zona Euro todos os trimestres.

No que respeita à inflação, o BCE aponta para uma subida dos preços de 0,3 por cento em 2009 (contra 0,4 por cento anteriormente), de 1,3 por cento em 2010 (contra 1,2 por cento) e forneceu uma primeira previsão para 2011: 1,4 por cento.

A inflação deverá manter-se fraca e dentro do limite tolerado pelo BCE, ou seja, ligeiramente inferior no médio prazo a 2 por cento.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.