Azores Parque avança com plano de recuperação e trava insolvência

Azores Parque avança com plano de recuperação e trava insolvência

 

Luís Pedro Silva   Regional   28 de Ago de 2019, 08:44

A Azores Parque apresentou um Processo Especial de Revitalização no tribunal de Ponta Delgada, que permite suspender o processo de insolvência requerido pelo Santander.

O banco apresentou um pedido de insolvência da sociedade Azores Parque, a 9 de agosto, reclamando uma dívida de 7,5 milhões de euros. O Santander justificou a entrada deste processo de insolvência da Azores Parque, porque “entende que a empresa, tendo sido alienada a maioria do capital pelo município da Ponta Delgada, evidencia, pelos seus resultados e situação económica, não ter condições para cumprir as obrigações decorrentes dos financiamentos contraídos”.


Pode ler mais na edição desta quarta-feira, 28 agosto 2019, do jornal Açoriano Oriental



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.