Alexis Santos e Diogo Carvalho nas meias-finais nos 100 m estilos nos Europeus

Alexis Santos e Diogo Carvalho nas meias-finais nos 100 m estilos nos Europeus

 

Lusa/AO online   Outras modalidades   16 de Dez de 2017, 18:12

Os portugueses Alexis Santos e Diogo Carvalho qualificaram-se hoje para as meias-finais dos 100 metros estilos dos Europeus de natação de piscina curta, em Copenhaga, enquanto Diana Durães (200 m livre) e Victoria Kaminskaya (200 m estilos) bateram recordes nacionais.

A nadarem ambos na terceira série das eliminatórias, o sportinguista foi quarto, com 53,29 segundos, e o atleta do Galitos foi sexto, com 53,45, o que representa o 12.º e o 14.º tempo, respetivamente, entre os 48 inscritos.

Gabriel Lopes foi sexto na quarta série, com um recorde pessoal de 53,87 e o 16.º tempo de qualificação, mas nas meias-finais, que se disputam na tarde de hoje, apenas podem participar dois nadadores do mesmo país.

Nas eliminatórias dos 200 m livre femininos, Diana Durães fixou o recorde nacional em 1.58,62 minutos, melhorando o registo de 1.59,53 que tinha estabelecido em 13 de dezembro de 2015, no Porto.

“Depois da final dos 800 livres fiquei com boa expectativa para os 200 e 400 metros. Este é o resultado do trabalho deste macrociclo, mas sinto que posso fazer melhor e baixar a barreira de 1.58 aos 200 livres, esse é o objetivo”, afirmou a nadadora do Benfica, que foi quinta na terceira eliminatória e fez o 16.º entre 42 inscritas, ficando fora da final.

Nos 200 m estilos, Victoria Kaminskaya recuperou o recorde nacional, ao nadar em 2.12,08, retirando 16 centésimos à anterior melhor marca (2.12,24), fixada por Diana Durães, a 09 de dezembro, nos campeonatos nacionais, no Porto.

“Estou a sentir-me bem. A semana passada nos nacionais, no Fluvial Portuense, ainda não estava bem, não tinha descansado. Portanto estes resultados não me surpreendem. A prova correu bem apesar de acabar com dificuldades a ‘crawl’, mas sinto que posso melhor a competir de tarde”, afirmou a nadadora do Estrelas São João de Brito, que foi quarta na eliminatória e décima entre as 27 participantes, o que não lhe permite estar entre as finalistas.

Na primeira jornada, Victoria Kaminskaya bateu o recorde nacional dos 400 m estilos e foi sexta classificada na final.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.