Alemanha espera cooperação constructiva com novo governo polaco


 

Lusa / AO online   Internacional   22 de Out de 2007, 11:37

O governo alemão confia na manutenção de um diálogo "construtivo" com o novo executivo polaco que surja da vitória eleitoral da Plataforma Cívica de Donald Tusk e que este coopere estreitamente com a União Europeia.
O porta-voz do governo, Thomas Steg, reagiu hoje em tom diplomático à vitória de Tusk e evitou palavras de júbilo, apesar das relações bilaterais entre Berlim e Varsóvia terem sofrido uma forte deterioração durante os dois anos que durou o governo de Jaroslaw Kaczynski.

    Steg informou que a chanceler, Angela Merkel, transmitirá, provavelmente hoje mesmo, pelo telefone, as suas felicitações a Tusk.

    "Esperamos que (Tusk) aceite a oferta de entabular um diálogo estreito", disse Steg, que acrescentou que o governo alemão espera que o novo executivo polaco se possa forma com a máxima brevidade possível.

    Antes, o presidente do Parlamento Europeu, Hans-Peter Pöttering, actualmente em Berlim, tinha assinalado esperar que as relações da Alemanha com a Polónia se distendessem e entrassem numa fase de normalidade.

    "As coisas vão-se simplificar entre a Alemanha e a Polónia", disse o alemão Pöttering antes de uma reunião em Berlim de dirigentes da União Cristã-Democrata (CDU) no poder.

    Também "para a Europa é um bom sinal" o facto da Plataforma Liberal Cívica de Donal Tusk ter ganho as eleições parlamentares na Polónia com clareza e um amplo apoio eleitoral, acrescentou Pöttering.

    Finalmente, o presidente do Parlamento Europeu sublinhou que "se alegra sempre que um defensor do europeísmo se coloca à frente de um novo governo" na Europa.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.